Que aspectos de uma apresentação fazem com que ela fique marcada na memória do público? Os detalhes? A mensagem transmitida? A espontaneidade do apresentador? Uma sequência bem pensada de slides?

A verdade é que, quando nos fazemos essas perguntas, o que realmente queremos saber é: o que eu faço para tornar a minha apresentação memorável? Como posso cativar o meu público?

A primeira coisa que devemos ter em mente é: não existe uma fórmula pronta para apresentações inesquecíveis. É possível que duas palestras totalmente diferentes sejam fascinantes, cada uma a seu modo. Além disso, se todos os apresentadores passassem a utilizar a mesma estrutura, as apresentações perderiam a novidade e deixariam de ser interessantes.

Por isso, quando se trata da comunicação humana, não existem regras. Mas existem, sim, ferramentas que ajudam a preparar uma apresentação memorável. Neste post, selecionamos algumas dicas que vão tornar suas ideias e apresentações ainda mais poderosas. Vamos lá?

 

1 – Escolha sua mensagem

– Qual a principal mensagem que você gostaria de passar para a sua audiência?

– Importante: ela deve ser curta e concisa.

– Crie um fluxo durante a apresentação, inserindo algumas repetições.

Ex.: Em uma palestra sobre poluição marinha, a mensagem principal pode ser: é de extrema importância diminuir o consumo ou até mesmo evitar o uso de plástico.

 

2 – Defina uma identidade visual

– Uma identidade visual bem definida enfatiza a sua mensagem principal e estrutura a apresentação.

Ex.: Seguindo o caso anterior (da palestra sobre poluição dos mares com derivados de plástico), busque aliar sua oratória ao design dos slides. Inspire-se no assunto para criar a identidade visual. As cores, as imagens e os demais elementos da apresentação devem ter ligação direta com o tema escolhido.

 

3 – Torne sua mensagem simples

– Livre-se de jargões ou chavões. Evite complexidade e confusão visual. Aposte na simplicidade.

Ex.: Imagine que sua plateia seja heterogênea: ela é composta por profissionais, por estudantes e também pelo público em geral.O que acontece se você utilizar termos muito específicos ou transmitir o conteúdo de forma complexa? Os espectadores que não entendem da parte técnica terão dificuldades para interpretar a ideia. Nesse caso, vão se distrair e ignorar sua mensagem.

 

4 – Use recursos visuais inspiradores

– A retenção pode variar entre 10% e 65%, dependendo de como o visual é utilizado. Recursos inspiradores e relevantes transmitem a mensagem com mais sucesso. Por isso, aposte em imagens incríveis.

Ex.: Você provavelmente conhece a seguinte frase: “Entendeu ou quer que eu desenhe?”. No caso das apresentações, o ideal é que você desenhe ou mostre por imagens. Isso torna suas ideias tangíveis, fortalece a compreensão e a memorização.

 

5 – Facilite a compreensão

– Tenha algo importante para compartilhar e exemplifique.

– Criar histórias e analogias permite que o público acompanhe sua jornada em busca de uma solução e se lembre disso por muito mais tempo.

Ex.: Certa vez, elaboramos um projeto que apresentava o processo de coaching. Tínhamos duas opções: utilizar um texto padrão e técnico ou criar uma história. Optamos, é claro, por criar a história da jornada do coaching.

A ideia era explorar um mapa. Toda a apresentação foi baseada em sair do ponto A, seguir um caminho traçado nesse mapa e chegar ao ponto B. O orador teve mais facilidade para demonstrar os exemplos e a plateia entendeu o processo de modo memorável.

 

6 – Remova as “barreiras”

– Conecte-se com seu público, vá além do púlpito. Você vai se surpreender com essa nova abordagem. Ela traz novas ideias e amplia suas relações.

– Fale na mesma linguagem da sua audiência: isso gera mais conexões.

Ex.: Sentimos empatia quando há interação. Busque se comunicar com sua plateia, faça perguntas, interaja! Uma apresentação deve ser um diálogo, e não um monólogo.

 

7 – Voz e interpretação

– Equilibre variação vocal, intensidade, volume e também o ritmo das palavras.

– Use pausas para enfatizar os pontos principais: essas mudanças dão brilho ao conteúdo.

Ex.: Imagine que você está assistindo a uma apresentação em que o orador passa uma hora falando no mesmo tom, baixinho e calmo… Entediante, não é? Use a sua voz para dinamizar a apresentação e despertar a atenção da sua plateia.

 

8 – Conheça o seu material minuciosamente

– Isso demonstra credibilidade sem que seja necessário inserir toda a informação textual na apresentação.

– Não use notas nos slides: elas distraem o público. Em vez disso, ensaie, ensaie e (mais uma vez) ensaie.

Ex.: Você já assistiu a alguma apresentação do Steve Jobs? Ele usava slides com mensagens curtas e imagens incríveis. O segredo era treinar várias vezes antes de subir ao palco, para transmitir uma mensagem poderosa e memorável!

 

9 – Forneça um apelo à ação

– Incentive o seu público a fazer uma mudança de vida.

– As pessoas são mais propensas a se lembrar da sua mensagem quando você propõe a elas um desafio pessoal. Acredite, isso é poderoso!

Ex.: Percebemos um erro comum em grande parte das apresentações: os oradores identificam um problema e uma solução, mas não propõem, de fato, um desafio para a plateia. Quando se trata de convencer pessoas, precisamos criar continuidade, ir além daquele momento de interação.

 

10 – Finalize com impacto

– Um final mal planejado é péssimo. Lembre-se: isso é tudo o que as pessoas vão recordar sobre a sua apresentação. Por isso, prepare-se muito bem para essa etapa.

– Volte para a introdução e faça uma breve jornada por todo o conteúdo, então finalize com clareza.

– Certifique-se de enfatizar sua mensagem principal uma última vez.

Ex.: Grande parte das apresentações termina com: “Então é isso, pessoal”. Cuidado: não existe nada mais “morno” do que um encerramento como esse. Engrandeça sua apresentação e desafie seu público a sair da zona de conforto.

 

 

Aplicando essas dez técnicas, com certeza a mensagem que você quer passar para o público vai ganhar um novo significado. Seus objetivos podem ser alcançados com mais facilidade se colocar em prática essas dicas. Esse é o desafio que propomos a você! Experimente essas técnicas e nos conte qual foi o resultado, ok?

Esperamos que tenha gostado do nosso material!

Ficou com alguma dúvida? Escreva para a gente!